Post Top Ad

quinta-feira, 22 de outubro de 2020

William Bouguereau


CS Lewis e Jr Tolquiem apresentaram uma outra leitura para a mitologia, eles aproximaram a mitologia da religião. A minha porta de entrada para conhecer a mitologia foi lendo Câmara Cascudo, no entanto, foi com o mestre da pintura Willian Bouguereau que a visualizei. Ainda, foi com a mitologia de Bouguereau que aprendi a gostar de arte, pois ele foi além da representação mitológica, e tornou-se um dos mais importantes pintores da história.

 

Bouguereau recebeu quase todas as recompensas possíveis durante a sua carreira. Nasceu em La Rochelle, na costa atlântica da França, em 30 de novembro de 1825. Quando trabalhava com os pais no comércio de azeite, um cliente convenceu-os a permitirem que o filho fosse estudar na Ecole des Beaux Arts de Bordeaux. E logo em 1844, após apenas dois anos de estudo em tempo parcial, Bouguereau ganhou o primeiro prémio de valor em pintura para uma tela representando Saint Roch. Este prêmio foi o catalisador de Bouguereau para o futuro da carreira. Depois veio Paris e depois Roma.

 

Graças a sua influência as instituições de arte francesas abriram suas portas para as mulheres. Bouguereau tinha o hábito de passar os verões em La Rochelle, em um estúdio de pintura que ele tinha construído lá. Após vários anos de doença cardíaca, ele morreu em La Rochelle em 19 de agosto de 1905. Pensa-se que a sua situação foi agravada pelo roubo de sua casa e do estúdio em Paris.

 

Ele está enterrado no cemitério de Montparnasse, perto do bairro onde morou. Este resumo não mostra quem foi Willian Bouguereau, mas as imagens abaixo apontam a dimensão da pintura deste mestre.

 










outubro 22, 2020 / by / 0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário